Quanto mais unificados melhor será o desfecho da greve: nenhum passo atrás, este deve ser nosso lema!


Há quem tem muita pressa nesta vida, isto não é virtude. A paciência é a melhor arma contra os opositores, Isto é revelação de qualquer livro sagrado- do Oriente ao Ocidente. 

Minas são muitas, mas haveremos de resistir valentemente às novas investidas do Governo. Minas toma fôlego para ajudar o sind-UTE a arrancar o que merecemos e queremos: O PISO SALARIAL NACIONAL.

Não especulemos, não esmorecemos, não tenhamos dúvidas. O Blog da Beatriz Cerqueira deve ser o mote deste movimento- afinal, ela lidera, em tese, conjuntamente conosco este movimento. Já começa a aparecer em alguns blogs muita especulação barata, muita besteira, muita interpretação vazia para atrair  leitores.

Entramos nesta greve para vencer, não para sermos traídos, sacrificados ou rearranjados.
 Beatriz é meramente um instrumento de nossa vontade e não o contrário. Se resistirmos ela resiste, Se recuamos ela obviamente aceitará qualquer proposição governamental.

Mas repito , não entramos nessa para nadar e morrer na praia, eu e meus companheiros do norte não temos só vontade, nós temos o espírito da vitória- queremos nosso tempo de glória.
 Nenhum passo atrás! Esse é nosso lema, nosso grito, nosso respaldo a esta greve.

Nenhum passo atrás e venceremos, como fez Stalin na Segunda Guerra Mundial contra Hitler, na famosa e heróica Batalha de Stalingrado.

Nenhum passo atrás, e a merreca do dinheiro solapado do nosso salário será devolvido em dobro.

Nenhum passo atrás- frase eternizada -  que surtiu efeito contra a esmagadora força hitleriana. E que agora movimenta milhares de professores de norte a sul, leste e oeste de Minas. É nisto que acredito e é isto  que defendo. Só há  vitória com resistência.

Beatriz pergunta em seu blog: você tem fome de quê?
 E eu respondo: de vitória!

Nenhum passo atrás. Este lema dá certo!

PS: Ao terminar de escrever o post, abri minha caixa de email e encontrei lá um texto de blog contabilizando que o ano letivo não fecha em 2011. Notícias que não acrescentam nada na luta, pelo contrário causam arrepio naqueles que consideram ano letivo o ano vigente. Ano letivo cabe em qualquer tempo , neste ou  no outro ano. Mas isto causa geralmente um efeito devastador em quem lê. A pessoa que me enviou o texto atualmente voltou para escola e cumpre horário para evitar o corte no ponto.

Reitero o que já disse: nada mais importa- O que não dá é voltar atrás.





4 comentários:

  1. Cristina Costa disse...:

    Marly,

    É isto mesmo:nada de recuar, nada de se intimidar. Estamos no momento crucial de nossa luta e o que nos espera no final, nada mais é, do que, a VITÓRIA !!!

    Adorei sua frase:"...eu e meus companheiros do norte não temos só vontade, nós temos o espírito da vitória-"

    É o espírito da vitória que deverá nos mover sempre!!!

    Um abraço e até nossa VITÓRIA!!!

    Vou compartilhar este belíssimo texto no meu blog. Espero que não se incomode.Qualquer coisa eu deleto. É só me falar!

  1. Marly Gribel disse...:

    Cristina, quanto mais este governo nos aterroriza mais eu tenho fome de vitória, eu e Minas. Ficarei feliz que publique meu texto no seu blog. Será uma grande honra, valorosa guerreira. Um abraço e força na luta até a VITÒRIA!

  1. Anônimo disse...:

    Marly, me atrevo a copiar seu texto no blog do Euler. Acho que nesse momento todas as alternativas são importantes para manter acesa as chamas da esperança que em alguns colegas sem paciência. O texto veio num bom momento. Que Deus nos ilumine.

  1. Cristina Costa disse...:

    Marly,

    Hoje o dia foi movimentado por aqui.
    Carroça pelas avenidas da região norte de BH

    http://www.youtube.com/user/mcristinacosta1#p/u/1/BJijaz9gDsE

    http://www.youtube.com/user/mcristinacosta1#p/u/0/lGDpHyHd3fk

    Um abraço!

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto
Professora de história, pós - graduada em história geral pela UFMG e em Novas Tecnologias na educação pela UNIMONTES.

Seguidores

Pesquisa

14:09 29/07/20103